Como instalar o Nmap no Fedora 40 ou 39

Nmap, abreviação de Network Mapper, é uma ferramenta poderosa e versátil usada por administradores de rede, profissionais de segurança e entusiastas para descobrir redes, realizar verificações de segurança e auditar a segurança da rede. Sua capacidade de adaptação a diferentes ambientes e tarefas de rede o torna um utilitário essencial no kit de ferramentas de segurança cibernética. O conjunto robusto de recursos do Nmap inclui:

  • Varredura de porta: identifica portas abertas em dispositivos de rede, determinando possíveis pontos de acesso para avaliações de segurança.
  • Inventário de rede: cataloga dispositivos em uma rede, incluindo sistemas operacionais, software e serviços.
  • Detecção de serviço: determina quais serviços estão sendo executados em portas abertas, fornecendo insights sobre a funcionalidade da rede.
  • Detecção de sistema operacional: emprega técnicas avançadas para deduzir os sistemas operacionais dos dispositivos em uma rede.
  • Interações programáveis: O Nmap Scripting Engine (NSE) é usado para exploração de rede e auditoria de segurança mais sofisticadas.
  • Mapeamento de rede: Visualiza topologias de rede, auxiliando no entendimento da estrutura e disseminação das redes.
  • Detecção de vulnerabilidade: integra-se a bancos de dados de vulnerabilidades para identificar possíveis pontos fracos de segurança em dispositivos de rede.
  • Flexibilidade e Extensibilidade: oferece suporte a várias opções de personalização para análise de rede personalizada.

Com esses recursos, o Nmap é uma ferramenta crítica para manter a segurança e a integridade da rede. Agora, vamos explorar as etapas técnicas para instalar o Nmap no Fedora 40 ou 39 Linux, garantindo que você tenha o conhecimento e as ferramentas necessárias para usar com eficácia este poderoso scanner de rede.

Método 1: Instale o Nmap via DNF

Atualize o Fedora antes da instalação do Nmap

Primeiro, atualize seu sistema para garantir que todos os pacotes existentes estejam atualizados.

sudo dnf upgrade --refresh

Instale o Nmap via comando DNF

Por padrão, o NMAP está disponível no repositório do Fedora. Dado que o Fedora é um lançamento de 6 meses com foco nos lançamentos upstream mais recentes, esta versão é a mais atualizada, tornando a instalação fácil e sem importar nenhum repositório de terceiros.

Comece com a instalação e execute o seguinte comando:

sudo dnf install nmap

Em seguida, verifique a instalação verificando a versão e o build:

nmap --version

Instale o Nmap no Fedora via fonte

Pode haver casos em que surge a necessidade da versão mais recente do Nmap, ou a versão fornecida nos repositórios do Fedora pode não atender a requisitos específicos. Compilar o Nmap a partir do código-fonte é uma solução viável, garantindo que você tenha acesso aos recursos e atualizações mais recentes. Embora esse método implique etapas adicionais e exija uma verificação de rotina de atualizações seguida de recompilação, ele pode ser vantajoso para usuários avançados ou com necessidades distintas.

Instale os pacotes iniciais necessários para o Nmap

Antes de mergulhar na compilação do código-fonte, é fundamental preparar nosso sistema com as ferramentas apropriadas. As ferramentas essenciais para construir pacotes Fedora incluem o compilador gcc e o utilitário 'make'.

Para instalá-los, abra seu terminal e execute o seguinte comando:

sudo dnf install make automake gcc gcc-c++

Além disso, instale as ferramentas de desenvolvimento e outros pacotes necessários para construir o Nmap:

sudo dnf groupinstall "Development Tools"
sudo dnf install libssh2-devel openssl-devel python3-devel

Baixe o arquivo fonte do Nmap

Após configurar as ferramentas essenciais, obtenha o código-fonte do Nmap. Obtenha o código-fonte do oficial Página de download do Nmap, visando a versão estável mais recente, usando o comando wget.

Observação: É fundamental verificar a página de download para obter o número e o link da versão mais recente, pois esses detalhes podem ter mudado desde a criação deste guia.

Para baixar o código-fonte do Nmap, use o seguinte comando:

wget https://nmap.org/dist/nmap-7.94.tar.bz2

Extraia o código-fonte do Nmap

Após o download bem-sucedido do código-fonte do Nmap, a extração dos arquivos do arquivo leva tempo. Execute os comandos abaixo para conseguir isso:

bzip2 -cd nmap-7.94.tar.bz2 | tar xvf -
cd nmap-7.94

Configurar compilação do Nmap

Agora é hora de iniciar o processo de configuração. Esta etapa prepara o código-fonte do Nmap para compilação em seu sistema específico, garantindo compatibilidade e desempenho otimizado.

Para orquestrar a compilação, execute o comando abaixo:

./configure

Se houver preferência pela instalação com diretórios locais, utilize o seguinte comando:

./configure --with-localdirs

Compilar Nmap

Com o build devidamente configurado, a etapa subsequente é compilar o código-fonte. Este processo é orquestrado usando o make comando, que lê o Makefile no diretório fonte do Nmap e compila o código fonte de acordo:

make

Instale o binário Nmap

Para instalar o Nmap, execute o comando abaixo:

sudo make install

Verificando a instalação do Nmap

Após a instalação, é imperativo verificar a instalação correta do Nmap a partir da fonte e garantir que seja a versão mais recente. Use o comando abaixo para verificar isso:

nmap --version

Este comando mostra a versão instalada do Nmap, alinhando com a versão do código-fonte obtido. Assim, você compilou e instalou com sucesso a versão mais recente do Nmap da fonte em seu sistema Fedora Linux.

Conclusão

Seguimos as etapas para instalar o Nmap no Fedora 40 ou 39 Linux usando o DNF Package Manager ou compilando o binário de origem. Lembre-se, o Nmap é mais do que apenas uma ferramenta; é seu aliado na compreensão e segurança de sua rede. Mergulhe, experimente seus recursos e aproveite ao máximo seus recursos para manter sua rede sob controle.

Links úteis e relevantes

Aqui estão alguns links valiosos relacionados ao uso do Nmap:

  • Site oficial do Nmap: Visite o site oficial do Nmap para obter informações sobre a ferramenta de verificação de rede, seus recursos e opções de download.
  • Documentação do Nmap: Acesse documentação abrangente para guias detalhados sobre instalação, configuração e uso do Nmap.
  • Guia de referência do Nmap: Explore o guia de referência do Nmap para obter um manual detalhado sobre os comandos e opções do Nmap.
Joshua James
Me siga
Últimos posts por Joshua James (exibir todos)

Deixe um comentário


pt_BRPortuguês do Brasil